Japão

Professora é presa por perseguir homem

A polícia de Minami-Alps, província de Yamanashi, prendeu uma professora primária de 33 anos sob suspeita de perseguir um conhecido.

De acordo com a polícia, Saki Sodeno, que trabalha em uma escola pública de ensino fundamental, é acusada de perseguir o homem de 40 anos em duas ocasiões neste mês, informou a mídia local.

A polícia informou que Sodeno foi à casa do homem sem ser convidado nos dias 9 e 15 de janeiro.

O homem consultou a polícia no ano passado sobre ser perseguido pela mulher e a polícia emitiu uma advertência. A polícia disse que após sua prisão nesta segunda-feira (16), a mulher fez declarações vagas sobre suas ações, dizendo que não estava perseguindo.

Fonte: Japan Today   /   Foto: Mainichi

Japão Aqui e o brasileiro cada vez mais “japonês”. De refugiado econômico a imigrante nipo-brasileiro, fizemos o caminho inverso dos japoneses que atravessaram oceanos após a segunda guerra mundial.

Em 2007 após atingir a marca de 316.000 brasileiros oficialmente residentes no Japão o “Lehman shock” em 2008, esvaziou nossa comunidade em cerca de 140.000 pessoas, nos anos que se seguiram. Hoje em 2019, voltamos a crescer atingindo a marca de 193.798 brasileiros residentes (junho-2018 / Ministry of Internal Affairs and Communications).

Japão Aqui tem bloggers e tradutores com a missão de facilitar o entendimento das notícias japonesas.

Copyright © 2020 MCOM K.K.

To Top