Japão

PREMIÊ JAPONÊS: Desculpas após porta-voz se demitir

O primeiro-ministro, Yoshihide Suga, se desculpou nesta segunda-feira (1°) após a renúncia de Makiko Yamada, Secretária de Relações Públicas do Gabinete, que junto com outros burocratas foi repreendida por comparecer a jantares caros oferecidos pelo filho do premiê japonês.

Makiko Yamada, apresentou sua renúncia do hospital após ser internada com problemas de saúde.

O governo e a porta-voz enfrentaram críticas públicas depois que a revista Shukan Bunshun relatou no mês passado que o filho mais velho do primeiro-ministro, Seigo Suga, executivo de uma empresa que produz programas de televisão para uma emissora, pagou jantares caros para burocratas.

A Lei de Ética da Função Pública Nacional do Japão proíbe que funcionários do governo recebam presentes ou sejam favorecidos.

“Lamento muito que uma pessoa da minha família tenha se envolvido em comportamento que resultou na violação da lei de ética por funcionários públicos, e peço desculpas aos cidadãos”, disse Suga ao parlamento. “Lamento profundamente que tenha chegado a uma situação em que a confiança das pessoas na administração tenha sido prejudicada”

O jantar de Yamada com o filho de Suga e outros executivos da empresa, gerou a repreensão de onze funcionários do Ministério das Comunicações.

O custo dos jantares por pessoa foi de ¥74.203, de acordo com relatos da mídia local.

Fonte: Reuters | Foto: Mainichi

Japão Aqui e o brasileiro cada vez mais “japonês”. De refugiado econômico a imigrante nipo-brasileiro, fizemos o caminho inverso dos japoneses que atravessaram oceanos após a segunda guerra mundial.

Em 2007 após atingir a marca de 316.000 brasileiros oficialmente residentes no Japão o “Lehman shock” em 2008, esvaziou nossa comunidade em cerca de 140.000 pessoas, nos anos que se seguiram. Hoje em 2019, voltamos a crescer atingindo a marca de 193.798 brasileiros residentes (junho-2018 / Ministry of Internal Affairs and Communications).

Japão Aqui tem bloggers e tradutores com a missão de facilitar o entendimento das notícias japonesas.

Copyright © 2020 MCOM K.K.

To Top