Japão

População infantil do Japão diminui pelo 43º ano consecutivo

06/05/2024

A população infantil do Japão diminuiu pelo 43º ano consecutivo, atingindo um novo mínimo histórico. Em 1º de abril, havia 14,01 milhões de crianças com 14 anos ou menos, uma queda de 330 mil em relação ao ano anterior. Isso representa 11,3% da população total, o nível mais baixo desde 1950.

O Japão tem o segundo menor índice de crianças entre 37 nações com mais de 40 milhões de habitantes, ficando atrás apenas da Coreia do Sul. O governo liderado por Fumio Kishida está buscando medidas sem precedentes para combater o declínio populacional, incluindo mais apoio financeiro às famílias e a expansão dos serviços de creche. No entanto, há ceticismo quanto à eficácia dessas iniciativas.

São 7,18 milhões de meninos e 6,83 milhões de meninas. A faixa etária de 12 a 14 anos tinha 3,17 milhões de crianças, enquanto a faixa de 0 a 2 anos tinha 2,35 milhões, sugerindo uma tendência contínua de queda no número de nascimentos.

A população infantil japonesa diminui desde 1982, após alcançar um pico em 1954, com 29,89 milhões. Apenas Tóquio e a província vizinha de Kanagawa têm mais de 1 milhão de crianças, enquanto o número caiu abaixo desse marco pela primeira vez na província de Osaka desde 1970.

Fonte: Kyodo
To Top