Japão

GUNMA: Capivara morde duas crianças

Uma capivara do Gunma Safari Park, localizado na província de Gunma, mordeu duas crianças pequenas e feriu gravemente uma delas.

Funcionários do parque disseram que um menino de um ano foi derrubado por trás e teve as costas mordidas por uma capivara em 25 de setembro. A criança estava brincando em uma seção onde os visitantes podem ter contato direto com os animais.

As autoridades dizem que dois dias depois, uma menina de seis anos teve a cabeça e o pescoço mordidos pelo que se acredita ser a mesma capivara fêmea que mordeu o menino.

A menina teria levado nove pontos na parte de trás do pescoço. As lesões devem levar duas semanas para cicatrizar.

Após o primeiro incidente, o parque colocou uma placa alertando as crianças sobre as capivaras e manteve os tratadores em alerta constante.

As autoridades dizem, no entanto, que o segundo incidente ocorreu quando os tratadores estavam trabalhando a cerca de 20 metros de onde os visitantes estavam com as capivaras.

O parque colocou cercas improvisadas para dividir os animais e as crianças. Pretende substituí-los por outros mais resistentes para evitar que as crianças tenham contato direto com as capivaras.

O curador do parque, Kitamura Shoji, pediu desculpas às vítimas por seus ferimentos. Ele disse que espera que as divisórias possam garantir a segurança dos visitantes.

Fonte: NHK     /     Foto: Gunma Safari Park

Japão Aqui e o brasileiro cada vez mais “japonês”. De refugiado econômico a imigrante nipo-brasileiro, fizemos o caminho inverso dos japoneses que atravessaram oceanos após a segunda guerra mundial.

Em 2007 após atingir a marca de 316.000 brasileiros oficialmente residentes no Japão o “Lehman shock” em 2008, esvaziou nossa comunidade em cerca de 140.000 pessoas, nos anos que se seguiram. Hoje em 2019, voltamos a crescer atingindo a marca de 193.798 brasileiros residentes (junho-2018 / Ministry of Internal Affairs and Communications).

Japão Aqui tem bloggers e tradutores com a missão de facilitar o entendimento das notícias japonesas.

Copyright © 2020 MCOM K.K.

To Top