Japão

Doses de reforço contra a Omicron

O Japão iniciou nesta terça-feira (20), o lançamento de vacinas contra a variante do coronavírus Omicron como parte dos esforços para conter a sétima onda de infecções por COVID-19 em andamento no país.

Aqueles com 60 anos ou mais e trabalhadores médicos que ainda não receberam sua quarta vacina terão prioridade, com a elegibilidade a ser expandida de meados de outubro para crianças com 12 anos ou mais e vacinados pelo menos duas vezes. 

O governo também planeja iniciar a vacinação em locais de trabalho no final de outubro.

Os reforços que são feitos pelas empresas farmacêuticas americanas Pfizer e Moderna e adaptados para a subvariante BA.1, foram aprovados para produção e venda no Japão pelo Ministério da Saúde, na semana passada.

De acordo com uma pesquisa da Kyodo News, 80% das capitais das 47 prefeituras do país disseram que começariam a vacinação até o final deste mês.

As pessoas poderão receber a dose de reforço depois de cinco meses desde a imunização anterior. Mas como alguns países exigem um intervalo de três meses ou menos, o ministério está considerando diminuir a diferença e tomará uma decisão até o final de outubro

FONTE/FOTO: KYODO

Japão Aqui e o brasileiro cada vez mais “japonês”. De refugiado econômico a imigrante nipo-brasileiro, fizemos o caminho inverso dos japoneses que atravessaram oceanos após a segunda guerra mundial.

Em 2007 após atingir a marca de 316.000 brasileiros oficialmente residentes no Japão o “Lehman shock” em 2008, esvaziou nossa comunidade em cerca de 140.000 pessoas, nos anos que se seguiram. Hoje em 2019, voltamos a crescer atingindo a marca de 193.798 brasileiros residentes (junho-2018 / Ministry of Internal Affairs and Communications).

Japão Aqui tem bloggers e tradutores com a missão de facilitar o entendimento das notícias japonesas.

Copyright © 2020 MCOM K.K.

To Top