Notícias

Deixando os alimentos mais salgados

Em abril, já informamos sobre o desenvolvimento do hashi (par de pauzinhos) que podem tornar os alimentos mais salgados sem realmente adicionar sal. Naquela época, os desenvolvedores da Meiji University e da Kirin Holdings sugeriram que tecnologia semelhante poderia ser aplicada a colheres e tigelas e eles não perderam tempo fazendo uma colher e uma tigela com a tecnologia.

O novo talher usa uma corrente elétrica simples e suave para realçar os sabores salgados dos alimentos. Isso funciona através de uma onda de eletricidade da superfície do utensílio para o alimento que se liga aos íons, como o cloreto de sódio que desencadeiam a sensação de salinidade. Ao fazer isso, os íons se agrupam quando tocam sua língua aumentando o sabor sem adicionar mais sal.

O equipamento possui a capacidade de tornar os alimentos 1,5 vezes mais salgados, uma melhoria acentuada em relação ao aumento de 30% fornecido pelos protótipos de pauzinhos. 

A Kirin informou que esses utensílios estão próximos da comercialização e devem estar disponíveis no mercado no próximo ano.

Fonte: Japan Today     |     Foto: Divulgação

Japão Aqui e o brasileiro cada vez mais “japonês”. De refugiado econômico a imigrante nipo-brasileiro, fizemos o caminho inverso dos japoneses que atravessaram oceanos após a segunda guerra mundial.

Em 2007 após atingir a marca de 316.000 brasileiros oficialmente residentes no Japão o “Lehman shock” em 2008, esvaziou nossa comunidade em cerca de 140.000 pessoas, nos anos que se seguiram. Hoje em 2019, voltamos a crescer atingindo a marca de 193.798 brasileiros residentes (junho-2018 / Ministry of Internal Affairs and Communications).

Japão Aqui tem bloggers e tradutores com a missão de facilitar o entendimento das notícias japonesas.

Copyright © 2020 MCOM K.K.

To Top