Japão

COVID-19: Pílula japonesa é aprovada

O Ministério da Saúde do Japão concedeu nesta terça-feira (22), aprovação rápida ao medicamento oral COVID-19 da Shionogi & Co., tornando-o o primeiro medicamento oral produzido no país contra o vírus.

“Xocova”, um medicamento para pacientes com coronavírus com sintomas leves, também se tornará o primeiro medicamento a ser aprovado sob o novo sistema de aprovação de emergência estabelecido em maio.

A Agência de Dispositivos Médicos e Farmacêuticos, que conduziu a revisão preliminar, reconheceu em um relatório que “obteve informações suficientes para presumir que o medicamento é eficaz” a partir dos resultados dos ensaios clínicos da fase final apresentados por Shionogi.

Fonte: Kyodo     /     Foto:  cortesia de Shionogi & Co./Kyodo

Japão Aqui e o brasileiro cada vez mais “japonês”. De refugiado econômico a imigrante nipo-brasileiro, fizemos o caminho inverso dos japoneses que atravessaram oceanos após a segunda guerra mundial.

Em 2007 após atingir a marca de 316.000 brasileiros oficialmente residentes no Japão o “Lehman shock” em 2008, esvaziou nossa comunidade em cerca de 140.000 pessoas, nos anos que se seguiram. Hoje em 2019, voltamos a crescer atingindo a marca de 193.798 brasileiros residentes (junho-2018 / Ministry of Internal Affairs and Communications).

Japão Aqui tem bloggers e tradutores com a missão de facilitar o entendimento das notícias japonesas.

Copyright © 2020 MCOM K.K.

To Top