Japão

CHINA lança míssil em águas do Japão

Segundo o Ministério da Defesa, dos nove mísseis balísticos lançados pela China na tarde desta quinta-feira (4), cinco caíram dentro da EEZ  ( Zona Econômica Exclusiva) japonesa. O mais próximo do território japonês foi cerca de 80 quilômetros ao norte-noroeste de Yonaguni.

“Esta é uma questão grave que diz respeito à segurança nacional de nosso país e à segurança das pessoas”, informou o ministro da Defesa, Nobuo Kishi, em uma coletiva de imprensa convocada às pressas.

O Ministro das Relações Exteriores Yoshimasa Hayashi exigiu que a China “pare imediatamente” o exercício militar perto de Taiwan.

A China está realizando exercícios em torno de Taiwan para protestar contra a visita da presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi a Taiwan no início desta semana.

Os mísseis caíram na ZEE, a sudoeste da ilha de Hateruma, na província de Okinawa. Hateruma fica perto de Taiwan e de outras ilhas como Yonaguni e Senkakus, no Mar da China Oriental.

O governo japonês também apresentou um protesto diplomático ao governo chinês.

A ilha japonesa mais ocidental de Yonaguni é uma linha de defesa crítica para as Forças de Autodefesa do Japão, enquanto as Ilhas Senkaku, administradas por Tokyo mas reivindicadas por Pequim, estão no centro do atrito bilateral.

FONTE: KYODO     |     FOTO: BLOOMBERG

Japão Aqui e o brasileiro cada vez mais “japonês”. De refugiado econômico a imigrante nipo-brasileiro, fizemos o caminho inverso dos japoneses que atravessaram oceanos após a segunda guerra mundial.

Em 2007 após atingir a marca de 316.000 brasileiros oficialmente residentes no Japão o “Lehman shock” em 2008, esvaziou nossa comunidade em cerca de 140.000 pessoas, nos anos que se seguiram. Hoje em 2019, voltamos a crescer atingindo a marca de 193.798 brasileiros residentes (junho-2018 / Ministry of Internal Affairs and Communications).

Japão Aqui tem bloggers e tradutores com a missão de facilitar o entendimento das notícias japonesas.

Copyright © 2020 MCOM K.K.

To Top